Facebook Pixel
Gravidez

Doença de Gravidez: dicas contra o desconforto constante

Você também sente náuseas o tempo todo? Muitas mulheres grávidas sofrem de náuseas durante as primeiras semanas de gravidez. Felizmente, na maioria dos casos, as náuseas constantes desaparecem passado algum tempo e são absolutamente inofensivas para o bebé. O que se pode fazer contra os enjoos matinais e quando ainda se deve consultar um médico.

Náuseas durante a gravidez

Cheiros, estômago vazio ou stress: no primeiro trimestre, muitas mamãs grávidas sofrem de náuseas. Imagem: GettyImages Plus, monkeybusinessimages

Cerca de 50 a 80 por cento de todas as mulheres grávidas queixam-se de mal-estar, sensação de enjoos no estômago e náuseas mais ou menos graves, por vezes também com vómitos. Em proporções normais, os enjoos matinais não representam qualquer risco para a saúde da mãe ou da criança. Ao contrário do que ainda hoje se acredita amplamente, os enjoos matinais não são um sinal positivo nem negativo.

Se e quando ocorrem enjoos matinais é diferente para cada mãe expectante: algumas sofrem de desconforto muito cedo, outras não. Normalmente os enjoos matinais ocorrem noprimeiro trimestre. Na verdade, é muitas vezes um dos primeirossinais de gravidez. Para muitos, as náuseas melhoram no final das primeiras doze semanas. No entanto, algumas mulheres grávidas são afectadas por náuseas durante toda a gravidez e têm de tomar medicamentos contra o vómito constante, se necessário.

Constantemente enjoado? Um grande fardo para muitos que sofrem

Normalmente, as pessoas afectadas sofrem dos sintomas típicos durante a gravidez, especialmente de manhã. No entanto, cheiros e outros estímulos sensoriais que são repentinamente percebidos como desagradáveis muitas vezes provocam náuseas e vômitos, independentemente da hora do dia. Isto varia de mulher para mulher. Embora as náuseas e vómitos não representem um risco para a saúde, podem ser muito desagradáveis e estressantes para as mulheres. No pior dos casos, os sintomas relacionados com a gravidez restringem severamente a vida quotidiana e tornam difícil a participação na vida familiar e profissional.

Causas dos enjoos matinais

As razões para a ocorrência de enjoos matinais ainda não foram completamente esclarecidas. No entanto, é considerada provável uma interacção de causas físicas e psicológicas durante a gravidez. Tem-se observado um aumento da incidência de enjoos matinais nas semanas de gravidez em que a concentração de hormonas como oHCG, progesterona e estrogénio é particularmente elevada. Stress, preocupação e ansiedade também podem aumentar os sintomas durante a gravidez.Gestações múltiplas e uma idade mais avançada da mulher grávida são considerados fatores de risco adicionais.

Quando nada funciona: Quando você deve consultar um médico

Normalmente, não há motivo para se preocupar se você se sentir enjoada durante a gravidez. No entanto, existem casos graves:Hiperemese Gravidarum é uma forma particularmente grave de doença matinal que pode ser perigosa para a saúde tanto da mãe como do bebé. Se tiver de vomitar cinco ou mais vezes por dia e tiver grande dificuldade em manter líquidos e alimentos em baixo, é importante consultar o seu médico. A hiperemese gravídica ocorre geralmente na 6ª ou 8ª semana de gravidez. Você pode descobrir aqui se você está sofrendo com isso e deve consultar um médico.

Ajuda imediata: 5 dicas contra náuseas durante a gravidez

Não é necessário consultar um médico para formas leves de náusea. Muitas vezes é suficiente aplicar dicas e truques simples e prestar um pouco mais de atenção à sua própria saúde e bem-estar durante a gravidez. Agora não é o momento para esforço extremo ou trabalho excessivo, porque você e a saúde do seu bebé estão em primeiro lugar.

1 Pequeno-almoço e exercício na cama

A Sociedade Suíça para a Nutrição recomenda comer e beber algo enquanto ainda na cama em caso de náusea. Pequenas quantidades de roscas, pão estaladiço, pão, suco ou chá são suficientes para estimular a digestão. Certifique-se de que bebe líquidos suficientes e come alimentos saudáveis para fornecer a si e ao seu filho todos os nutrientes importantes.

Para estimular a circulação, você também pode fazer exercícios leves na cama, como ciclismo e exercícios para as pernas. Para fazer isso, deite-se de costas, levante as pernas e pedale imaginativamente. Esta dica vai ajudá-lo a começar o dia melhor e a prevenir náuseas desta forma.

2 Coma refeições leves

Em geral, você deve comer com freqüência, mas não muito, pois um estômago vazio leva a náusea mais rapidamente. São recomendadas cerca de cinco a seis refeições distribuídas ao longo do dia. É importante não comer alimentos muito gordurosos, mas sim alimentos de fácil digestão. Frutas, legumes, produtos lácteos como iogurte e cereais são mais fáceis de digerir do que, por exemplo, carne de porco assada. Evite pratos que o façam sentir náuseas. Você também deve evitar o cheiro desses alimentos.

3 Beba chá suficiente

Beba chá suficiente durante todo o dia, especialmente se não só tiver náuseas como também vómitos. A bebida é importante para compensar a perda de líquidos. Tenta tipos diferentes. Chá feito de folhas de bálsamo de limão, flores de camomila, cones de lúpulo, erva-doce, anis, erva-doce ou folhas de amora pode ajudar. O chá de gengibre ou hortelã-pimenta também pode aliviar os sintomas. No entanto, como o chá de hortelã-pimenta pode causar azia e dores de estômago, não deve ser bebido com demasiada frequência. Para algumas mulheres, o chá de limão alivia os sintomas. Uma pequena dica: Comer uma rodela de limão também pode ajudar.

4 Mexer-se no ar fresco

Para algumas mulheres, o exercício no ar fresco é bom para elas. Longas caminhadas na natureza podem fazer maravilhas. Você também deve arejar sua casa e escritório regularmente.

5 Deixe-se descansar

As mudanças do corpo no início da gravidez podem ser cansativas. Portanto, deixe-se descansar o suficiente. Durma o suficiente ou, se possível, faça uma pausa mais longa durante o dia para fazer uma pequena sesta. Isso relaxa e acalma seus nervos, o que alivia o estresse e o nervosismo. Ao levantares-te, certifica-te novamente que não te mexes muito.